ÍNDIA REVELA PRIMEIRO AEROPORTO DO MUNDO A FUNCIONAR SÓ COM ENERGIA SOLAR 30/08/15

ÍNDIA REVELA PRIMEIRO AEROPORTO DO MUNDO A FUNCIONAR SÓ COM ENERGIA SOLAR 30/08/15

PRIMEIRO AEROPORTO DO MUNDO A FUNCIONAR SÓ COM ENERGIA SOLAR

 
O Governo do estado indiano de Cochin anunciou que, por Maio de 2016, o seu aeroporto internacional receberá energia 100% de origem solar. O edifício será equipado com 46150 painéis solares que servirão não só para suprir as necessidades energéticas do mesmo, como também possibilitarão o fornecimento de energia a 10 mil habitações. Com esta iniciativa, o governo de Cochin estima um decréscimo das emissões de dióxido de carbono de 300 mil toneladas nos próximos 25 anos.
A energia é uma das principais preocupações quer das autoridades indianas quer dos grupos ambientais. Sendo uma das dez maiores economias do mundo e o segundo país mais populoso, a Índia possui uma conta de luz nada amigável. Mas a pior parte é que no meio das imensas necessidades energéticas, o país depende fortemente de combustíveis fósseis, nomeadamente carvão – cerca de 55% de todo o consumo energético provem da queima do carvão.
A Índia é o país do mundo com mais centrais termoeléctricas baseadas na queima do carvão. A juntar a isto acrescem ainda os factos de a Índia ter das maiores reservas deste combustível ao fóssil, uma necessidade abundante de energia e a questão de que a queima de carvão é a principal responsável pela emissão de dióxido de carbono para a atmosfera, o que no geral transformam o subcnotinente indiano numa verdadeira chaminé.
Felizmente, começa-se a assistir a uma viragem na política energética indiana e um investimento cada vez mais sério nas fontes de energia renovável, nomeadamente a energia solar. Com uma média de 300 dias soalheiros por ano o potencial energético solar é enorme: 5 000 mil milhões de kilowatt-hora (kWh).
As autoridades indianas anunciaram também um projecto para construir uma gigantesca central de energia solar, na província de Madhya Pradesh. A central, que deve ser construído nos próximos 18 meses, será a maior do Mundo, e, com uma potência prevista de 750 MW, quase que duplicará a potência da maior central do mundo, a Ivanpah Solar Power Facility, localizada no deserto de Mojave, Califórnia, e que tem uma potência de 392 MW.
A localização junto ao paralelo 20 e a existência de vastas áreas tanto terrestres (a Índia é o sétimo maior país do Mundo) como oceânicas, onde poderiam ser instaladas plataformas à semelhança do Japão, transformam a Índia num país de excelência para a produção de energia solar.
 
energias-renováveis
 
Fonte: shifter.pt 30/08/2015

Contacto

energia-solar-térmica-tisst

© 2015 tisst.net -Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Webnode