Cobertura transparente de plástico

Muitos plásticos têm propriedades ópticas semelhantes às do vidro, já que são transparentes às radiações de ondas inferiores e opacos às radiações de onda longa , pelo que servem para elaborar as coberturas transparentes dos colectores.
Os plásticos utilizados nas coberturas dos colectores, estão formados por películas flexíveis ou por placas rígidas.
Cada ano aparecem novos materiais, evoluindo as propriedades dos plásticos .
Isto faz com que as características especificas dos plásticos sejam ultrapassadas em pouco tempo.
As características são as seguintes:
    •Pouco peso (fácil manuseamento)
    •Pouca fragilidade (diminui risco durante transporte e colocação)
    •Má condutividade térmica (reduza as perdas por convecção)
    •Coeficiente de dilatação linear (pouca dilatação)
    •Pouca resistência às altas temperaturas (problemas como o sobreaquecimento)
    •Baixa dureza (risca com facilidade)
    •Grande instabilidade (factor de deterioração)

Através das experimentações de envelhecimento acelerado, podemos deduzir, que este tipo e cobertura podem ser utilizadas durante aproximadamente 12 anos sem qualquer problema.

Podemos aplicar à cobertura dois tipos de tratamento:
    • Um tratamento anti refletor aplicado à superfície exterior para evitarmos as perdas por reflexão dos raios solares incidentes.
    • Um tratamento sobre a superfície interior, para que possa reflectir as radiações de grande comprimento de onda curta.
Estes tratamentos são bastante caros, sendo o único inconveniente
.

Contacto

energia-solar-térmica-tisst

© 2015 tisst.net -Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Webnode